Isla Negra

Quando você chegar no Chile, você vai perder a conta das infinitas vezes que escutará ou verá o nome de Pablo Neruda. O falecido poeta é um ícone precioso neste país, e sua influência e memória estão por toda parte. Esta onipresença também se dá pelo fato de que ele tinha três impressionantes casas: em Valparaiso, em Santiago e em Isla Negra. Isla Negra é uma pequena cidade, localizada 4 km ao sul de El Quisco, que foi basicamente criada por Neruda.

Ele deu o nome à cidade “em homenagem” as rochas negras que se projetam  oceano adentro; alí ele construiu uma casa onde viveu desde 1939 até a sua morte em 1973 (tempo durante o qual ele esteve em exílio e fez várias viagens prolongadas). A casa é agora um museu bastante popular tanto entre os turistas, como entre os chilenos. Consequentemente, nos arredores, uma variedade de pequenos negócios foram desenvolvidos para atender àqueles que vêm visitar a casa.

A Casa de Pablo Neruda em Isla Negra

A casa de Isla Negra, aparentemente, é onde Pablo Neruda gostava de guardar suas bugingangas, uma vez que é aqui que encontram-se a sua coleções de máscaras, garrafas, fotografias, conchas, e muitos outros objetos pessoais do poeta.

A casa tem uma vista linda para o mar e um jardim impressionante. No jardim, há uma torre com um sino, uma fonte de água e um barco, bem como os túmulos de Pablo Neruda e da sua terceira e última esposa, Matilde Urrutia. Os túmulos estão voltados para o mar, o último gesto romântico deste poeta notoriamente nostálgico. A Fundação Neruda mantém a casa museu que é aberta das 10:00 horas às 18:00 horas, de março à dezembro; e das 10:00 horas às 20:00 horas, nos meses de janeiro e fevereiro. A visita “auto-guiada” custa CLP 5.000 (ou 1.500 para estudantes e crianças) e está disponível em espanhol, inglês, francês, português e alemão. Não é necessário fazer reservas com antecedência.

Devido à popularidade da casa museu, restaurantes e lojas surgiram na área. Os restaurantes oferecem uma variedade de pratos com frutos-do-mar que levam o nome do poeta, e as feirinhas de artesanato estão cheias de itens relacionados à vida de Neruda. Todos os anos, no dia do aniversário de Neruda, há uma celebração na casa e na praia com leituras de poesia, música e churrascos. Embora Isla Negra seja um  lugar cuja essência é basicamente o poeta Pablo Neruda, vale a pena notar que, nas últimas décadas, muitos artistas e escritores decidiram fazer de Isla Negra e as áreas vizinhas à sua casa. Como tal, a pequena cidade tem um ar charmoso de criatividade e romantismo.

Como chegar a Isla Negra?

Você pode chegar a Isla Negra, tomando um ônibus para Algarrobo. Ambos Pullman e Turbus oferecerem viagens a Algarrobo saindo do Terminal Alameda, com saídas a cada 30 minutos ou uma hora, dependendo da época do ano. No inverno, uma passagem custa ao redor de 5.000 pesos, e é geralmente mais caro no verão. Diga ao seu motorista que você vai querer sair em Isla Negra, mas não se preocupe, é uma parada normal na rota ônibus.

Não há lugares para se hospedar em Isla Negra, mas se você está procurando uma acomodação para a noite, você pode acampar ou alugar um chalé nas cidades vizinhas, El Quisco ou El TaboEl Quisco é um lugar adorável, um vilarejozinho sonolento que desperta no verão, e conta com uma boa seleção de restaurantes bonitos e chalés. Nestas cidades você também irá encontrar serviços básicos, tais como postos de gasolina, bancos e farmácias.

Share This